logo seesp ap 22

 

BannerAssocie se

×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 69

23/06/2016

Negociações salariais difíceis nas energéticas

Acompanhe, a seguir, como estão as negociações salariais entre o SEESP e as empresas energéticas atuantes no Estado de São Paulo com vistas ao Acordo Coletivo de Trabalho de 2016 dos engenheiros.

AES Eletropaulo
A terceira rodada de negociação ocorreu no dia 17 de junho último. Na ocasião, a companhia ofereceu reajuste salarial e dos benefícios de 5% em junho e mais 2% em janeiro de 2017, totalizando 7,1%. Também propôs reajuste de 5% na Participação nos Lucros e Resultados (PLR), passando de R$ 8.900,00 para R$ 9.345,00, com antecipação do valor de R$ 4.000,00 no próximo dia 12 de setembro.

Os representantes do SEESP argumentaram que os índices estão abaixo da inflação do período e rejeitaram a proposta. Com relação à antecipação da PLR, o sindicato solicitou à empresa avaliar a manutenção da quantia de R$ 5.000,00 do ano anterior. A companhia ficou de analisar a contraproposta.

A próxima reunião negocial foi marcada para o próximo dia 27 de junho.

AES Tietê
A primeira reunião ocorreu na sede da empresa no dia 31 de maio último. As próximas mesas marcadas para os dias 15 e 22 de junho, foram reagendadas para o próximo dia 30.

Duke Energy
Foi realizada a segunda reunião de negociações no dia 16 de junho. A empresa propôs 9% de reajuste dos salários e benefícios e apresentou alteração no valor do auxílio de transferência para R$12.000,00, limitada a dois salários por transferência. Foram rejeitadas pelos dirigentes dos sindicatos. Ocorrerá a terceira reunião no dia 28 de junho, para dar prosseguimento ao processo de negociação do acordo, em Chavantes (SP).


 

Imprensa SEESP







Lido 2257 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar



Receba o SEESP Notícias

E-mail:

agenda