GRCS

27/07/2021

Descaso com a ciência gera apagão no CNPq

Mariana Moura*

 

CNPq Foto Herivelto Batista ASCOM MCTICFoto: Herivelto Batista/ Ascom MCTIC.Desde a última sexta-feira (23/7), todos os serviços e sistemas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), órgão do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), estão inoperantes. Milhares de pesquisadores, que têm toda a sua vida acadêmica vinculada às plataformas do órgão como a Carlos Chagas e Lattes, estão sem acesso. Mas, mais do que isso, a pane afetou também o sistema de e-mails dos funcionários e o sistema de pagamentos das bolsas de pesquisa.

 

Ainda não se sabe a extensão dos danos, mas informações recolhidas junto a fontes dos Cientistas Engajados indicam que o principal storage do CNPq – EMC VNX 8000, teve uma interrupção no seu funcionamento sendo que o equipamento está fora da garantia e não tem um contrato de manutenção ativo que permita seu reparo imediato.

 

A Plataforma Lattes, que roda com um programa cuja versão utilizada foi descontinuada em 2018, não possui backup. O presidente do CNPq, em conversa informal, disse estar em contato com a empresa Dell para tentar resolver o problema emergencialmente.

 

Em resumo: Ainda não se sabe a extensão dos danos causados pela irresponsabilidade desse governo para com a ciência brasileira, mas já são quatro dias de apagão em todos os sistemas do CNPq – incluindo o sistema de pagamento de bolsas e salários – em função da queda de um sistema que não tinha backup nem redundância, estava sem manutenção desde 2018 e o contato com a Dell está sendo feito de forma emergencial...

 

 

 

 

 

 

 

 

MarianaMoura 

 

*Mariana Moura é pesquisadora e fundadora do grupo Cientistas Engajados.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Lido 239 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

agenda