logo seesp ap 22

 

BannerAssocie se

22/08/2022

Raciocínio lógico destaca profissionais de engenharia nas vagas tecnológicas

 

Levantamento da Revelo destaca as profissões que estão em ascensão no segmento.

 

Rosângela Ribeiro Gil
Oportunidades na Engenharia

 

Jorge Téllez 400Jorge Téllez, Chief Community Officer (CCO) da Revelo. Crédito: Divulgação Revelo.É cada vez maior o destaque de que as profissões ligadas à área tecnológica ganham protagonismo no País e no mundo. Com a pandemia do novo coronavírus (Covid-19), as mudanças digitais foram obrigatórias e praticamente compulsórias em todas as atividades dos três setores da economia: extração de matérias-primas (primário), indústria (secundário) e venda de serviços e bens imateriais (terciário). Em entrevista à área Oportunidades na Engenharia do SEESP, Jorge Téllez, Chief Community Officer (CCO) da Revelo – empresa de tecnologia com a maior plataforma de recrutamento, seleção e colocação de talentos em tecnologia da América Latina –, afirma que no cenário da recrutadora os profissionais de tecnologia, principalmente no que diz respeito a pessoas desenvolvedoras, “vemos que profissionais formados em Engenharia estão na terceira posição, totalizando uma porcentagem de 24,7%”. 

 

A busca por profissionais mais aderentes ao manuseio e à criação e aperfeiçoamento dessas ferramentas digitais também cresceu e a tendência, segundo a Téllez, é que essa ascensão prossiga. Segundo a Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), até 2025, serão criados no Brasil ao menos 797 mil postos de trabalho nessa área.

 

As carreiras tecnológicas, como em tecnologia da informação (TI) e desenvolvimento e business intelligence, estão em alta, apesar de estarem nos mais diversos setores da economia, nos serviços financeiros, educação superior e telecomunicações. “Além disso, o setor de agronegócio tem apresentado grande crescimento nestas contratações”, observa Téllez e acrescenta que as especializações mais procuradas são de Desenvolvedor Full Stack, Desenvolvedor Back End e Desenvolvedor Front End. 

 

Raciocínio lógico

Como a engenharia combina conhecimento científico, econômico, social e prático, com o intuito de inventar, desenhar, construir, manter e melhorar estruturas, máquinas, aparelhos, sistemas, materiais e processos, a profissão está sempre no horizonte das empresas que buscam preencher suas vagas tecnológicas.

 

Segundo o CCO da Revelo, a tecnologia busca melhorar e aprimorar softwares, aplicações e processos com base na linguagem de programação e conhecimento de dados, “assim, a engenharia, principalmente no que diz a respeito à Engenharia da Informação, consegue atuar muito bem nessas áreas se destacando pelo raciocínio lógico”. É o profissional, explica ele, que consegue fazer uma organização ou estruturação de raciocínios que permite, de acordo com determinadas normas, chegar a uma conclusão ou resolver um problema.

 

A Revelo elaborou um ranking sobre os cinco cargos mais buscados nas áreas de comunicação e marketing na plataforma [confira quadro ao final desta matéria]. “Quando uma empresa quer construir ou acompanhar um produto de tecnologia, ela define quais são as habilidades que vai precisar para atingir o seu objetivo. Em caso de Gerente de Produto ou Product Owner, as empresas normalmente procuram pessoas com experiência prévia ou alguma certificação em Scrum ou PM. No caso de UX Designer ou UI Designer o mais importante é o portfólio de projetos que eles já fizeram anteriormente”, orienta o porta-voz da recrutadora.

 

5 profissões tecnológicas em alta

Desenvolvedores

Com atuação estratégica na empresa, o profissional é capaz de desenvolver e modificar sistemas, além de processar informações categorizando, codificando e tabulando os dados necessários. Nas áreas de Comunicação e Marketing, os profissionais que possuem especialidade em e-commerce são os mais procurados.

 

UX Designer

Com o papel de desenvolver e executar ações que tragam uma melhor experiência e relacionamento ao usuário, este profissional tem a missão de testar a usabilidade e interação comunicativa dos canais digitais ligados às ideias de design. Para este setor, o profissional pode se destacar com as ferramentas Illustrator, Photoshop e InDesign. Além de obter conhecimento nas linguagens visuais de Material Design e Flat Design para a prototipação. Para quem quer se especializar ainda mais na área, as empresas desta área buscam especialistas em Axure, Invision, Marvel, MidNode, OmniGraffle, Sketch, Fluid e LucidChart para criação de Wireframes.

 

UI Designer

Responsável por projetar a aparência e a interatividade das interfaces de um produto digital, levando em conta a usabilidade do ponto de vista do usuário. Para isso, é importante que este profissional tenha amplos conhecimentos com ferramentas de design como Illustrator, Photoshop e Sketch. Além da parte gráfica, existe a organização das informações que podem ser adquiridas com o uso de Balsamiq e Adobe XD.

 

Gerente de Produto

Também conhecido como Product Manager, o Gerente de Produto tem como principal função identificar a necessidade do cliente e como seu negócio poderá atender o cliente. Como o papel de líder e guardião de um recurso ou produto oferecido pela empresa, este profissional tem a responsabilidade de reunir três áreas: UX, tecnologia e negócios.

 

Product Owner

Na tradução livre, Product Owner (também conhecido como PO) significa Dono do Produto. Este profissional tem como missão representar os interesses dos públicos, definir as funcionalidades do produto e realizar a gestão do backlog (registro ou histórico de requisições) por meio de métodos ágeis, como por exemplo, o Scrum, Lean, Smart e Kamban. Além de boa comunicação e capacidade de negociação, este cargo exige comprometimento e visão macro do negócio.

Fonte: Revelo

 

Nossa orientação
Quer se preparar ainda mais para o mercado de trabalho? Então, preste atenção a essa dica: o SEESP mantém o serviço Oportunidades na Engenharia de orientação à carreira. A área oferece o exclusivo e primoroso atendimento personalizado ao Associado SEESP que abrange elaboração de currículo, simulação de entrevista, informação sobre competências comportamentais e digitais (soft e tech skills, respectivamente) e outras habilidades demandadas pelo mercado de trabalho, como inteligência emocional.

 

E tem mais: são oferecidos, de forma aberta e gratuita, desde modelos de currículo mais aderentes e assertivos ao mercado; informações sobre legislação e atualidades sobre a engenharia no Mapa da profissão; plataformas online de Emprego e Estágio e de Autônomos; reportagens e entrevistas com recrutadores, CEOs, engenheiros e Recursos Humanos de grandes empresas sobre as posições para a engenharia no mundo atual com a newsletter Oportunidades na Engenharia.

 

Para conhecer todos os serviços e agendar um atendimento e se preparar bem para os processos seletivos e para uma vaga de emprego, clique aqui.

 

600 Banner Oportunidades

 

Lido 197 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar



Receba o SEESP Notícias

E-mail:

agenda