logo seesp ap 22

 

BannerAssocie se

×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 71

08/08/2016

Sem dinheiro, Olimpíada Brasileira de Astronomia faz vaquinha virtual

A Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) teve um corte de 50% da verba que recebe do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Sem dinheiro para pagar pelas medalhas que deveriam ser entregues aos melhores colocados, a organização do evento acabou recorrendo a uma ferramenta que vem sendo bastante utilizada pela sociedade civil e iniciativa privada: a vaquinha virtual.


Foto: Divlugação Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica
olimpiada de astronomia sem dinheiro



O objetivo é arrecadar R$ 170.455,00 para poder concluir a entrega de medalhas. Até o momento, 416 pessoas já contribuíram com um valor total de R$ 26.811,00, que corresponde a 15% do objetivo final. A campanha ainda ficará no ar por mais 45 dias. Além da OBA, a organização também vai premiar os melhores colocados da 10ª Mostra Brasileira de Foguetes (MOBFOG).

 “A redução do orçamento afetou diretamente a premiação dos alunos”, disse o professor João Batista Garcia Canalle, coordenador nacional da OBA. “As medalhas já foram encomendadas”, afirmou. A 19ª OBA de 2016 teve a participação de cerca de 800.000 alunos e a 10ª MOBFOG cerca de 90.000 alunos. O custo total anual é de R$ 1,2 milhões.

A OBA entrega medalhas a 45 mil participantes, ou seja, 5% do total. E a MOBFOG premia outros 5 mil.

A competição é organizada pela Sociedade Astronômica Brasileira (SAB), em parceria com a Agência Espacial Brasileira (AEB). Os participantes são alunos do ensino fundamental e médio, além de 60 mil professores, de 10 mil escolas de todo o Brasil.

O comitê organizador também está com dificuldades para preparar as delegações brasileiras que representarão o país na Olimpíada Internacional de Astronomia e Astrofísica, que será realizada na Índia, e na Olimpíada Latino Americana de Astronomia e Astronáutica, que acontecerá na Argentina. Os custos das viagens serão pagos por meio de rateio feito pelos próprios alunos.

Quem quiser ajudar a OBA e MOBFOG a premiar seus competidores pode acessar o site da vaquinha e doar qualquer valor, a partir de R$ 10.


Fonte: Jornal GGN



Lido 4137 vezes
Gostou deste conteúdo? Compartilhe e comente:
Adicionar comentário

Receba o SEESP Notícias *

agenda