GRCS

Mostrando itens por marcador: cursos

Comunicação SEESP*

Acontece na quarta (28/11) e quinta (29) o Simpósio de Inteligência Artificial e Consciência, no teatro do Sesc 24 de Maio, na região central da capital paulista. A atividade é gratuita e é promovida pelo Programa de Estudos Pós-Graduados em Tecnologias da Inteligência e Design Digital (TIDD, PUC-SP). No intuito de construir pontes teóricas entre a ciência da computação e as ciências sociais, o programa em 2017 introduziu o tema dos impactos sociais da inteligência artificial por meio de diversas iniciativas (curso de IA na pós-graduação, edição da revista TECCOGS sobre o tema, criação de grupo de pesquisa, participação em congressos e conferências no Brasil e no Exterior, dentre outras).


Arte: Sergio Afonso

simposio de IA no sesc



O simpósio foi concebido como fórum de unificação e compartilhamento das pesquisas dos dois primeiros anos, com a comunidade acadêmica sobretudo os pesquisadores e os alunos de pós-graduação e graduação do Estado de São Paulo.


O objetivo é promover um espaço inter, multi e transdisciplinar para debates em torno dos impactos sociais da inteligência artificial, particularmente os decorrentes do avanço a partir dos anos 2006/2010 - resultados concretos obtidos do processo de aprendizado profundo ("deep learning") -, e a consciência, contemplando a alegada distinção homem/máquina inteligente.


A programação mescla dois pesquisadores internacionais com significativas contribuições à pesquisa (o professor associado em ciência da computação no Courant Institute of Mathematical Sciences da New York University, Davi Geiger; e o semioticista uruguaio, membro da Faculdade de Pós-Graduação e Pós-Doutorado da Universidade de Ottawa, Fernando Andacht), pesquisadores brasileiros de notável reconhecimento entre os seus pares no Brasil e no exterior, e professores, pós-doutorandos e alunos de pós-graduação do TIDD.

É uma oportunidade, dentre outras, de debater com a comunidade acadêmica as pesquisas que estão sendo desenvolvidas pelo programa.


Para enriquecer o debate e promover a aproximação entre universidade e sociedade, foram convidados pesquisadores de duas líderes globais de tecnologia, IBM e Amazon, para expor seus estágios de desenvolvimento com relação a inteligência artificial e desafios atuais e futuros.

Programação

Dia 28 de novembro, quarta-feira

10h: Abertura Lucia Santaella

10h15 - 11h30: Palestra Davi Geiger: "Inteligência Artificial e Consciência: encontros e desencontros”

11h - 12h30: Palestra Diogo Cortiz da Silva, "O Design na era da Inteligência Artificial”

14h - 15h: Palestra Bernardo Gonçalves e Clarisse de Souza, “O Problema da Explicação em Inteligência Artificial: considerações a partir da semiótica"

15h - 16h: Palestra Dora Kaufman, "O Protagonismo dos Algoritmos de Inteligência Artificial: reflexões sobre a sociedade de dados"

Dia 29 de novembro, quinta-feira

10h: boas vindas - Lucia Santaella

10h15 - 11h30: Palestra de Ricardo Ribeiro Gudwin, "Implementação de um Mecanismo de Consciência de Máquina na Arquitetura Cognitiva MECA”

11h30 - 13h: Mesa Redonda sobre o tema "Consciência humana e não humana: Insights de Charles S. Peirce” com Fernando Andacht e Winfried Nöth. Mediador: Marcelo Augusto Vieira Graglia (PUC/SP)

14h30 - 18h: apresentação de pesquisas em desenvolvimento no TIDD - PUC/SP


Local: Teatro

Inscrições nas Centrais de Atendimento das unidades do Sesc e no portal ou online neste link.


*Com informações de assessoria de imprensa




Comunicação SEESP

O programa Engenheiro Empreendedor do SEESP iniciou o ano com o oferecimento de 15 cursos voltados aos profissionais da área – voltados ao empreendedorismo como também de caráter técnico. Associados ao sindicato, assim como seus dependentes, têm bons descontos nas atividades.

Entre os cursos, cujas inscrições estão abertas, estão o de gestão de projetos; licenciamento ambiental de postos de gasolina; programa de eficiência energética; de conversação em inglês etc.. Confira todos eles aqui.

Mais informações pelo telefone (11) 3113-2640, pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou diretamente na sede do SEESP, na capital paulista (Rua Genebra, 25, Bela Vista).

 

Comunicação SEESP

Para alguns pode ser mês de férias, mas dezembro também é o mês ideal para se investir na carreira e começar 2018 aprimorando o currículo, valorizando a formação profissional e aumentando as chances de oportunidades no mercado de trabalho.

O programa Engenheiro Empreendedor do SEESP oferece mensalmente cursos como gestão de projetos, licenciamento ambiental, especificação de motores elétricos, consultoria empresarial, gestão de conflitos entre outros. As atividades são abertas a todos profissionais, com preço especial aos associados do sindicato.


>>> Confira aqui a programação de dezembro.


Vale ressaltar que, dependendo do número de inscritos, o cronograma pode sofrer alterações.

Mais informações no setor de Ação Sindical do SEESP:
telefone: (11) 3113-2641
e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 

 

 

 

Comunicação SEESP

Voltado aos profissionais que não se acomodam no mercado de trabalho, o programa Engenheiro Empreendedor do SEESP oferece mensalmente cursos e atividades focadas na qualificação.

São cursos de qualidade reconhecida, nas modalidades presencial e a distância, com descontos aos associados ao sindicato extensivos aos dependentes. O programa visa também estimular o espírito empreendedor.

>>>Confira aqui a programação das atividades de outubro.

Importante destacar que dependendo do número de inscritos ou interessados, o sindicato pode alterar datas, horários ou mesmo cancelar cursos e palestras. A data limite para inscrição é de até três dias antes do início da atividade.

 

Mais informações no setor de Ação Sindical do SEESP:
telefone: (11) 3113-2641
e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Engenheiro Empreendedor SEESP

 

 

 

A Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP), com 81 anos de existência, realizará até o dia 15 de fevereiro as provas por agendamento do processo seletivo para a turma de 2015, do novo curso da Faculdade de Administração. Em razão disso, celebra um aditivo ao convênio já existente com o SEESP ampliando o percentual de desconto para 20% e estendendo-o aos dependentes dos associados ao sindicato. Esse benefício se aplica aos cursos de graduação em Administração, Sociologia e Política, Biblioteconomia e Ciência da Informação e cursos de pós-graduação.

A instituição também oferece, além do desconto, um sistema de acompanhamento do processo de aprendizagem que estimulará a aplicação prática dos conhecimentos adquiridos em suas áreas de trabalho.

Complementarmente serão oferecidos serviços tais como: o Coach do Plano de Desenvolvimento Individual (PDI) e Orientação de Projetos Aplicativos ou de Planos de Negócio.

 Conheça mais sobre a FESSP e o Curso de Administração em nosso site www.fespsp.org.br.


 

Imprensa SEESP








Em tempos de grandes debates e ações por técnicas e práticas sustentáveis, o sindicato está oferecendo um novo curso para engenheiros e outros profissionais. É o de aplicabilidade da cogeração de energia como redutor de custos em hotéis, indústrias, shopping centers, fazendas, hospitais, centrais de computador, e outros espaços que utilizam energia elétrica e térmica.

Ministrado pelos engenheiros Sokrats Novickis e Simanis Imants Novickis, tem como objetivo despertar o conhecimento nessa modalidade e contribuir para a melhoria da eficiência energética nacional, ao mesmo tempo em que incentiva os profissionais a fazerem carreira no setor.

O sistema, explicam os professores, gera energia elétrica juntamente com uma ou mais formas diferentes a partir de uma mesma fonte. “Por exemplo, após instalação de sistema de fornecimento de gás natural e motogerador, teremos somente geração de energia elétrica. Para fazermos a cogeração, devemos instalar um sistema de recuperação de energia, retirada do motor, gerando uma nova energia, como térmica (água quente ou vapor), ou outra”, explica Sokrats.


Sustentabilidade

O sistema reduz a emissão de calor para a natureza, consequentemente contribui para não aumentar o aquecimento global e para a sustentabilidade do planeta. É um processo que não é caro, porém tem uma relação dependente da tarifa de energia elétrica e do valor do combustível utilizado. “O investimento que se faz no sistema tem um custo que se paga em menos de quatro anos”, explica Sokrats. Apesar das vantagens, Simanis reclama que a falta de divulgação das vantagens oferecidas pela alternativa faz com que a técnica ainda seja pouco utilizada no País, mesmo em áreas com grande potencial, como em prédios comerciais e residenciais, shopping centers, indústrias e em construções e atividades que tenham outra forma de energia além da elétrica.

Após análises, como ressalta Simanis, cogeração pode ser implantada em projetos novos e antigos e aplicada em qualquer instalação apta a utilizar mais de uma forma de energia.  “Em projetos novos, o estudo é de viabilidade para a inclusão do sistema. Já em antigos ou em construção, a avaliação é de viabilidade e adaptação”, informa.


Dinâmica

O curso será ministrado em dois sábados, com carga de quatro horas cada, e um terceiro dedicado a uma visita técnica à planta de cogeração do Condomínio Comercial Rochaverá, localizado próximo ao Shopping Morumbi, em São Paulo. No programa,  constarão os seguintes temas: energia elétrica + água quente; energia elétrica + vapor; energia elétrica + (a + b); definição de cogeração; exercícios práticos para assimilação do conceito; exemplos de aplicação do sistema em hotéis, indústrias, shopping centers, entre outros; exercícios práticos para assimilação dos conhecimentos adquiridos e visitação à instalação com cogeração de energia. O valor para associados ao SEESP é de R$ 232,00, para os demais, R$ 290,00. As aulas estão previstas para 16 e 23 de março e 6 de abril. Mais informações e inscrições pelo telefone (11) 3113-2641 ou pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. .

EstudardentroO curso de pós-graduação em “Tecnologia e Gestão na Produção de Edifícios”, oferecido pelo Programa de Extensão Poli-Integra/FDTE, está com inscrições abertas para quatro novas disciplinas de atualização profissional: “Tecnologia de processos construtivos de alvenaria estrutural”; “Inovação tecnológica na produção de edifícios”; “Integração entre sistema de produção e negócios de real estate”; e “Desafios atuais da produção de edifícios: como superá-los”.

Com duração de 24 horas, as disciplinas são compostas por oito aulas semanais, ministradas das 19h30 às 22h30, nas dependências da Escola Politécnica da USP, em São Paulo. Voltadas para engenheiros e arquitetos que atuam na área de produção de edifícios em construtoras ou empresas de projeto, as disciplinas visam atualizar esses profissionais sobre temas atuais e emergentes, de forma rápida, aprofundada e focada.

Na disciplina “Tecnologia de processos construtivos de alvenaria estrutural” um dos tópicos a serem abordados é a norma técnica de projeto, execução e controle de alvenaria estrutural de blocos de concreto, que passou recentemente por modificação. “As informações são úteis tanto para profissionais que já dominam a alvenaria estrutural como para aqueles que desejam conhecer as técnicas de projeto e execução de obras”, afirma o Dr. Francisco Ferreira Cardoso, coordenador acadêmico do curso e professor da Escola Politécnica da USP. Com início no dia 25 de fevereiro, as aulas serão ministradas pelo arquiteto Carlos Alberto Tauil em conjunto com o Dr. Luiz Sérgio Franco, professor da Politécnica.

Na disciplina “Inovação tecnológica na produção de edifícios” o objetivo é que os participantes dominem o conceito de inovação e sejam agentes de transformação na cadeia de produção de edifícios. Serão discutidos conceitos de inovação e seus obstáculos, além de ser feita uma avaliação crítica das novas tecnologias vigentes no mercado mundial à luz dos requisitos e critérios de desempenho apresentados pela norma ABNT NBR 15575. As aulas começarão no dia 6 de março e serão ministradas pelo engenheiro Alexandre Amado Britez, da construtora Cyrella, e pela Dra. Mercia Barros, coordenadora acadêmica adjunta do curso e professora da Politécnica.    

“Integração entre sistema de produção e negócios de real estate” é uma disciplina inédita. Seu objetivo é possibilitar que profissionais envolvidos no processo de produção de edifícios conheçam como são tomadas as decisões e elaboradas as estratégias de negócios imobiliários. Combina a visão conceitual e de comportamento do mercado de quem analisa os negócios do real estate com a do responsável pela produção, nas etapas iniciais dos empreendimentos - cuidados técnicos na compra do terreno, análise de risco da construção, análise do projeto visando produtividade, implantação, concessionárias, cronograma macro etc. Com início no dia 29 de abril, as aulas serão ministradas pelo Dr. Cláudio Alencar, professor da Escola Politécnica, e o engenheiro Jorge Batlouni Neto, da construtora Tecnum.

Já nas aulas da disciplina “Desafios atuais da produção de edifícios: como superá-los”, também inédita no mercado, serão discutidos problemas atuais vividos pela direção técnica e pela gerência de produção e as formas de solucioná-los: construção em terrenos complexos e de difícil acesso, coordenação de projetos e implantação do BIM, diminuição dos prazos de obras, expansão geográfica e qualificação de fornecedores, escolha das tecnologias construtivas, dentre outros. “As experiências dos professores serão trazidas, assim como os alunos serão convidados a apresentarem as suas, gerando uma discussão sinérgica”, destaca Cardoso, que ministrará essa disciplina juntamente com o engenheiro Mário Rocha Neto, com experiência profissional de mais de 30 anos na produção de edifícios e na direção técnica e superintendência de uma das maiores construtoras do País. As aulas começarão no dia 30 de abril.    

Inscrições – As disciplinas podem ser cursadas de forma avulsa e têm disponibilidade de 20 vagas cada para o público externo ao curso. O investimento em cada uma delas é de R$ 1.500,00. Os aprovados receberão diploma da Fundação para o Desenvolvimento Tecnológico da Engenharia - FDTE. As inscrições podem ser feitas pelo telefone (11) 3814-1988, pelo site ou pelo e-mail educaçãEste endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. 

Imprensa – SEESP
Informação da Acadêmica Agência de Comunicação

Página 1 de 2

agenda