logo seesp ap 22

 

BannerAssocie se

08/06/2022

EcoVale dá início a sua primeira edição híbrida

Jéssica Silva/Comunicação SEESP

 

Na manhã desta quarta-feira (8/6), foi iniciada a quinta edição do Encontro Ambiental do Vale do Paraíba (EcoVale), realizado pela primeira vez de forma híbrida – presencialmente no hotel Ibis Styles, em Taubaté (SP), com transmissão online pelo canal do evento no Youtube.

 

EcoVale2022AberturaA atividade promovida pela Federação Nacional dos Engenheiros (FNE) e pelo SEESP, com o apoio da Universidade de Taubaté (Unitau), conta com dois dias de palestras e exposições em sua programação (8 e 9/6), com foco principal na discussão e busca de soluções para a recuperação e preservação do meio ambiente.

 

Compuseram a mesa de abertura o presidente da FNE e do SEESP, Murilo Pinheiro; o vice-presidente do sindicato Carlos Alberto Guimarães Garcez; Breno Botelho Ferraz do Amaral Gurgel, presidente da Delegacia Sindical do SEESP em Taubaté; José Antônio Saud, prefeito de Taubaté; Nara Lucia Perondi Fortes, reitora da Unitau; Renato Archanjo de Castro, diretor geral da Mútua-SP; Jorge Luiz de Carvalho Santos, coordenador de Direito da Família da Ordem dos Advogados do Brasil regional São Paulo (OAB-SP); Waleska Del Pietro Storani, coordenadora da Comissão Permanente de Meio Ambiente do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia regional São Paulo (Crea-SP); e o vereador de Taubaté Sergio Ricardo Gonçalves (Serginho).

 

“O EcoVale cresceu, tivemos edições do EcoSP. Como um filho que vai para faculdade e volta formado, grande, trouxemos a discussão de volta ao Vale do Paraíba, é muito gratificante”, externou Gurgel em sua fala. A importância da atividade, que percorreu outras cidades do País, mas é originária em Taubaté, também foi exaltada por Garcez, coordenador da iniciativa. “Aqui foi o primeiro evento que abordou sementes transgênicas, drones na agricultura, [o EcoVale está] sempre à vanguarda do debate ambiental”, frisou.

 

“Esse tema não é só nosso, é do País, do mundo. Todo ser humano debate a questão da sustentabilidade, da qualidade de vida a todos. E a gente vem discutindo isso de uma forma bem forte”, ressaltou Murilo citando o projeto Cresce Brasil +Engenharia +Desenvolvimento que aborda, entre diversos assuntos, a conservação e uso inteligente do meio ambiente. “É uma temática que tem que estar no nosso dia a dia”, concordou em sua fala a reitora Fortes.

 

O prefeito José Antônio Saud recordou o tema da reciclagem como ponto importante na economia da cidade e na transferência de renda “para os que mais precisam”. “A partir desse debate, podemos fomentar políticas públicas voltadas ao meio ambiente [...] temos que dar vazão a tudo o que é discutido aqui, temas que vão beneficiar muito toda a sociedade”, afirmou o vereador Serginho.

 

Às 14h desta quarta-feira acontece a primeira sessão plenária do evento, com palestras sobre cidades inteligentes e sustentáveis com a engenheira Storani, e usina de beneficiamento de resíduo urbano e fertilizantes com a bióloga Lourdes Cristina Pena Pellógia, da empresa Quimbiol Serviços Ambientais.

 

Acompanhe o V EcoVale clicando aqui

 

Veja a mesa de abertura na íntegra:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

Lido 200 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar



Receba o SEESP Notícias

E-mail:

agenda