GRCS

Canteiro

Avalie este item
(2 votos)

SEESP discute conjuntura e ações nas delegacias sindicais

Com o objetivo de discutir iniciativas prioritárias para este ano, o sindicato vem realizando diversos encontros em suas delegacias sindicais, no interior paulista. A primeira reunião ocorreu no dia 13 de janeiro último, na Baixada Santista. No dia 16, realizou-se em Jacareí e em Pindamonhangaba.

Nessas ocasiões, o presidente do SEESP, Murilo Pinheiro, vem apresentando breve balanço da atuação sindical da categoria em 2016 e salientando a importância do envolvimento das regionais para se avançar e evitar retrocessos. Assim, tem destacado que “vivemos uma situação extremamente delicada no País, temos uma metralhadora giratória apontada para nós, com ataques aos direitos trabalhistas, previdenciários e sindicais. Isso nos obriga a uma discussão ainda maior, amplia nossa responsabilidade de participarmos para sairmos da crise”. Em Jacareí, Murilo conclamou: “É necessário ampliar a representatividade e a inserção no debate das questões locais e regionais, bem como atrair jovens para essa ação.”

Entre as ideias apresentadas no encontro de Pindamonhangaba estão: atuação sistemática junto à Câmara Municipal para acompanhar os assuntos da engenharia, bem como nas cidades abrangidas pela regional, como Roseira e Moreira César (Distrito); ampliar divulgação do sindicato; visitar faculdades para apresentar a entidade, juntamente com a coordenação do Núcleo Jovem; e oferecer cursos do Isitec aos profissionais na região.

No dia 18, a reunião ocorreu nas delegacias sindicais em Guaratinguetá e em Taubaté. No dia 19 de janeiro, em São José dos Campos, quando foram discutidos vários temas, desde a situação econômica e política do País ao aumento da organização sindical e de associados na regional. Em 24 de janeiro, foi a vez da Delegacia no Alto Tietê.

 

Isitec e APM assinam convênio para curso a gestores municipais

No dia 24 de janeiro, foi firmado convênio  de cooperação entre o Instituto Superior de Inovação e Tecnologia (Isitec) e a Associação Paulista de Municípios (APM) para a realização do curso a distância “Gestão municipal em iluminação pública no Estado de São Paulo”. Com início previsto para este semestre, tem como público-alvo prefeitos, servidores públicos ou funcionários de cargos comissionados. O objetivo é atender a demanda do setor, cujos ativos (luminárias, lâmpadas, relés e reatores) vêm sendo transferidos para os municípios, atendendo o artigo 218 da Resolução Normativa nº 414 da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), de 9 de setembro de 2010.

O valor do curso será de R$ 600,00 (para associados ao SEESP e à APM) por aluno, com direito a certificado. Para não associados, R$ 900,00.

 

Inscrições abertas para pós em Engenharia de Segurança

O Instituto Superior de Inovação e Tecnologia (Isitec) e as delegacias sindicais do SEESP no interior paulista inauguram em março a pós-graduação em Engenharia de Segurança do Trabalho, com carga de 680 horas e duração de dois anos. Em Campinas as aulas começam no dia 10, com aulas ministradas na sede da delegacia; em São José do Rio Preto, dia 17; em Itapetininga, que integra a delegacia em Sorocaba, 24; e em Bauru, 31. Na Capital, a pós será oferecida a partir de 10 de abril.

As inscrições para o curso, que tem a coordenação técnica do professor Celso Atienza, vice-presidente do SEESP, estão abertas e podem ser feitas nas Delegacias Sindicais ou no Isitec. As aulas ocorrerão quinzenalmente, às sextas-feiras à noite e aos sábados pela manhã e tarde.

O preço será de 24 parcelas de R$ 700,00, no Interior, e de R$ 900,00, na Capital. Associados ao SEESP têm 10% de desconto. Mais informações pelo telefone (11) 3254-6850 ou e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

 

Abes divulga estudo sobre condições de saneamento do País

Dez anos após a promulgação da Lei 11.445, conhecida como Marco Regulatório do Saneamento Básico, um estudo realizado pela Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental (Abes), divulgado em meados de janeiro, aponta melhora na situação do saneamento no País, porém avanços tímidos em algumas regiões. É o que também demonstra o “Cresce Brasil – Cidades”, apresentado pela Federação Nacional dos Engenheiros (FNE) em 2016.

O estudo “Situação do saneamento básico no Brasil – uma análise com base na Pnad 2015” constata que 29 milhões de pessoas permanecem sem acesso a abastecimento geral de água, 69,2 sem acesso a esgotamento sanitário por rede e 20,5 sem coleta de lixo.

 

Campanha salarial

CPTM – Os engenheiros aprovaram a pauta de reivindicações para a campanha salarial 2017, em assembleia realizada no dia 18 de janeiro, na sede da Associação dos Engenheiros da Estrada de Ferro Santos-Jundiaí, no Bom Retiro. Essa foi protocolada na empresa no dia seguinte, visando o início das negociações. Entre os itens, destacam-se: reposição da inflação do período, com base no maior índice apurado; e 5% de aumento real.

 

Diretoria da Aeamesp será empossada em fevereiro

Os novos integrantes da Diretoria Executiva e Conselhos Deliberativo e Fiscal da Associação de Engenheiros e Arquitetos de Metrô (Aeamesp) tomam posse no dia 13 de fevereiro, às 19h, na sede do SEESP, na capital paulista (Rua Genebra, 25, Bela Vista). A gestão, para o triênio 2017-2019, tem como presidente Pedro Armante Carneiro Machado.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

Oportunidades Plataforma 29 04 1

VAGAS DE ESTÁGIO DE ENGENHARIA

agenda