logo seesp ap 22

 

BannerAssocie se

×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 71

29/08/2014

Há uma acumulação de riquezas pornográfica, diz João Felício

O secretário de Relações Internacionais da Central Única dos Trabalhadores (CUT), João Felício, conversou nesta semana com o jornalista Fábio Pereira para o programa de televisão do SEESP, o Jornal do Engenheiro, o JE na TV. Durante o bate-papo, ele conta o planejamento para sua gestão na Confederação Sindical Internacional (CSI), onde assumiu recentemente a presidência.

Entre outros pontos, ele alertou para a acumulação de riquezas em todos os continentes e apontou que um dos papeis da CSI é denunciar as desigualdades sociais. "Em cada país tem suas centrais, mas há a necessidade de haver uma entidade que coordene e articule essa atuação mundial. A CSI cumpre esse papel. claro que as principais lutas está em consonância com as lutas que cada central sindical faz em seu respectivo país. Hoje, por exemplo, temos no mundo uma acumulação de riqueza pornográfica", disse.

Ele analisar que tem ocorrido no mundo, nos ultimos 10 anos, um aumentou considerável da riqueza em determinada camada da população, bem como a pobreza na outra ponta. "A CSI faz um fórum paralelo ao G20, fazemos pressão na OIT [Organização Internacional do Trabalho]", exemplificou o dirigente da CUT, lembrando que no Brasil não houve esse aumento das desigualdades durante esse mesmo período.

A aprovação do nome de Felício foi em Bruxelas, com a presença de lideranças das principais centrais dos cinco continentes. De acordo com o sindicalista, essa eleição é “uma demonstração da importância do sindicalismo brasileiro”. “A definição reforça nossa responsabilidade de avançar na consolidação de conquistas para a classe trabalhadora”, enfatizou.

Assista a íntegra da entrevista:






Imprensa SEESP






Lido 2095 vezes
Gostou deste conteúdo? Compartilhe e comente:
Adicionar comentário

Receba o SEESP Notícias *

agenda