logo seesp ap 22

 

BannerAssocie se

23/11/2023

Clube do Choro marca programação do encontro gastronômico cultural de novembro

Comunicação SEESP*

 

A edição de novembro da atividade cultural “Todo Mundo Tem Que Falar, Cantar e Comer!” acontece no próximo domingo, dia 26, a partir das 12h, no Espaço Cultural a Céu Aberto Elifas Andreato, na Praça Memorial Vladimir Herzog, na Capital.

 

Dessa vez, a música fica a cargo do Clube do Choro de São Paulo, com Wesley Vasconcelos no violão de sete cordas, Deni Domenico no cavaco, Maik Oliveira no bandolim e Lucas Brogiolo no pandeiro.

 

Resultado da grande inquietação de diversos chorões e choronas de toda a cidade, o Clube do Choro ressurge em agosto de 2015, a partir da união de mais de 300 músicos atuantes dentro do cenário paulistano. O Clube estabeleceu uma parceria com a Prefeitura Municipal, e realizava as atividades nos teatros públicos, inicialmente no Arthur Azevedo, depois ampliando para outros.

 

Nesse período, foram organizadas 114 rodas de Choro, 39 shows e 12 workshops. Além das atividades nos teatros, o Clube realizou outros eventos como o “Elas no choro” (uma roda de choro só com mulheres), shows na Virada Cultural, aniversário de São Paulo, sempre em parceria com a Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo. O Clube também organizou eventos de sucesso no Sesc Pompéia, Auditório Ibirapuera, Itaú Cultural, Instituto Moreira Salles, entre outros importantes polos culturais da cidade.

 

No palco do Clube do Choro já estiveram nomes como Hamilton de Holanda, Déo Rian, Isaías e seus chorões, Grupo Ordinarius, Proveta e Alessandro Penezzi, Nikolas Krassik e Mestrinho, André Mehmari, Thiago Espírito Santo, Luizinho 7 cordas, Rogério Caetano, entre muitos outros.

 

Clube do choro de SPWesley Vasconcelos, Lucas Brogiolo, Maik Oliveira e Deni Domenico se apresentam domingo (26/11), na edição de novembro do “Todo mundo tem que falar, cantar e comer!”. Foto: divulgação

 

 

 

As rodas mantem a dinâmica de ser um espaço aberto e democrático, onde músicos de todos os níveis podem fazer uma participação. Isso tornou a roda do Clube um ponto de referência para o público e para os músicos da cidade. Já tocaram na roda mais de 200 músicos, de todas as idades e regiões de São Paulo. Transformou-se também em referência turística para estrangeiros que buscavam musica genuinamente brasileira.

 

Durante a pandemia, o Clube também precisou se reinventar. No ano de 2020 foram realizadas quase 40 lives com as mais diversas temáticas. Em 2021, com verba da Lei Aldir Blanc, o Clube lançou o programa “Sala de Ensaio”, mais uma série de lives junto com entrevistas, alusão ao histórico programa Ensaio da TV Cultura. Todo esse material de lives desses dois anos formam um riquíssimo acervo que está disponível para todos.

 

Existem “clubes do choro” e núcleos de estudo desse gênero em diversas cidades e até fora do país, como Londres, Paris, Roterdã, Toulouse, Tóquio, Barcelona, etc. Uma cidade como São Paulo, não poderia deixar de ter o seu, que cresce a cada dia e vem se transformando um ponto de convergência e referência no universo da música.

 

E mantendo a agenda do evento, de encontro cultural e gastronômico, o cardápio da edição será Frango Xadrez, pelo chefe Fernando Gamberini, no modelo de sempre: “Quem pode, paga. Quem não pode, pega”.

 

Participe!

 

 

 

 

-

 

Agenda

Todo Mundo Tem Que Falar, Cantar e Comer!

Data: 26 de novembro (domingo)

Horário: 12h

Local: Praça Memorial Vladimir Herzog (esquina da Rua Santo Antônio com a Praça da Bandeira, Bela Vista, São Paulo-SP).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

*Com informações de Fernando Gamberini e Canal da Praça.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Lido 210 vezes
Gostou deste conteúdo? Compartilhe e comente:
Adicionar comentário

Receba o SEESP Notícias *

agenda