GRCS

03/11/2009

Venda de veículos cai 4,6% com volta do IPI

 

      A volta gradual do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) a partir de outubro fez as vendas de veículos recuarem 4,6% no mês no confronto com setembro, que detém o recorde de emplacamentos.
       No mês passado, foram licenciadas 294,5 mil unidades, a maior marca já contabilizada para um mês de outubro, ultrapassando a quantidade alcançada em 2007 (244,5 mil), maior patamar registrado até então.
       O mês teve 21 dias úteis e registrou média diária superior a 14 mil veículos emplacados, como havia adiantado o presidente da Anfavea (associação das montadoras), Jackson Schneider, ao comentar os números da primeira quinzena.
       O executivo destacou, na ocasião, que o desempenho do mercado em outubro seria influenciado também pelas vendas de veículos feitas em setembro, mas que foram licenciados apenas no mês seguinte, e pelo escoamento de unidades em estoque que se beneficiaram da menor alíquota de IPI.
       No confronto com outubro de 2008, o número de unidades teve acréscimo de 23,1%. Já no acumulado do ano, com o licenciamento de 2,597 milhões de veículos, a expansão nas vendas foi de 6,0%.
       O número engloba automóveis, comerciais leves, ônibus e caminhões. O tributo reduzido em dezembro do ano passado para carros volta à alíquota original em janeiro.

Montadoras
       O ranking de montadoras tem a Fiat na liderança, com 23,52% dos veículos licenciados entre janeiro e outubro no país, quase empatada com a Volkswagen (23,36%). Em seguida, aparece a GM (General Motors), com 19,03%.
        A projeção da Anfavea (associação das montadoras) é de crescimento de 6,4% nos emplacamentos neste ano ante 2008, que já havia registrado recorde em vendas.

Folha Online
03/11/2009
http://www1.folha.uol.com.br

 

Lido 2559 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

Oportunidades Plataforma 29 04 1

VAGAS DE ESTÁGIO DE ENGENHARIA

agenda