GRCS

14/04/2021

Categoria decide parar trens por tempo indeterminado

Comunicação SEESP

greve cptm laerte copyOs funcionários da CPTM decidiram em assembleia, realizada na segunda-feira (12/4), pelo estado de greve e a decretação de paralisação das atividades a partir da zero hora de terça-feira (27/04), por tempo indeterminado. A  decisão foi tomada pelo não pagamento da primeira parcela do Programa de Participação e Resultado (PPR) de 2020, por todos os sindicatos de trabalhadores da empresa: Sindicato dos Trabalhadores em Empresas Ferroviárias de São Paulo, Sindicato Sorocabana e SEESP. 

Foi aprovado, ainda, o uso de adesivos e coletes até o pagamento da PPR-20, além de conceder poderes à diretoria do Sindicato para instaurar dissídio coletivo e a decretação de assembleia aberta permanentemente para as deliberações necessárias.





Lido 247 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

agenda