logo seesp ap 22

 

BannerAssocie se

Campanhas Salariais

Avalie este item
(0 votos)

FecomercioSP
O SEESP e a FecomercioSP assinaram em 7 de julho a Convenção Coletiva de Trabalho 2015/2016 dos engenheiros, cuja data-base é 1º de maio. Entre as 22 cláusulas, econômicas e sociais, destacam-se: reajuste salarial de 8,34% e salário normativo nos termos da Lei 4.950-A/66.

Emae
Os engenheiros da Emae, com data-base em 1º de junho, reunidos em assembleia no dia 2 de julho, aprovaram a proposta formulada pelo Núcleo de Conciliação de Coletivos (NCC) do Tribunal Regional do Trabalho – 2ª Região (TRT/SP) para renovação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) 2015.
Entre outros itens, a categoria terá reajuste salarial de 7,6% mais aumento real de 1%; correção nos vales alimentação e refeição de 9%; estabilidade no emprego até a próxima data-base a todos os trabalhadores da empresa, até que se complete o processo seletivo de novas contratações no quadro da própria companhia.

Duke Energy
A categoria aprovou em assembleia no dia 8 de julho proposta para a renovação do Acordo Coletivo de Trabalho 2015. Entre os itens contemplados, estão: reajuste de 7,5% dos salários e benefícios econômicos; aplicação de reajuste de 0,5% nos salários em janeiro de 2016 e Participação nos Lucros e Resultados (PLR) no valor de 1,15% do lucro líquido.

Companhias Docas
Os engenheiros que atuam nas Companhias Docas aprovaram em assembleia no dia 25 de junho acordo salarial que abrange reajuste de 8,47%. Pela primeira vez, esse – assinado entre os sindicatos das categorias, a Federação Nacional dos Portuários e a Secretaria Nacional de Portos – inclui os trabalhadores das sete empresas portuárias federais. O acordo é válido por dois anos. Além do seu fechamento, será liberada a primeira parcela, no valor de R$ 20 milhões, como aporte ao Portus (fundo de pensão dos portuários, sob intervenção), com o objetivo de manter o equilíbrio do fluxo de caixa e o pagamento dos benefícios dos trabalhadores assistidos. Ao todo, o fundo receberá aporte de R$ 333 milhões, por força da Lei de Crédito Suplementar assinada em 30 de dezembro de 2014, valor inscrito no Orçamento da União em 31 de dezembro de 2014.

Mais nesta categoria: « Maringoni Canteiro »

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar



Receba o SEESP Notícias

E-mail:

agenda