logo seesp ap 22

 

BannerAssocie se

Canteiro

Avalie este item
(0 votos)

Marinha presta homenagem à engenharia brasileira
O presidente do SEESP e da Federação Nacional dos Engenheiros (FNE), Murilo Celso de Campos Pinheiro, foi agraciado no dia 10 de junho com a Medalha da Ordem do Mérito Naval, distinção oferecida pela Marinha do Brasil para premiar militares e instituições civis que prestaram serviços relevantes à Armada.

SEESP faz visita técnica ao VLT da Baixada Santista
Um grupo de diretores estaduais e regionais do sindicato realizou uma visita técnica, em 31 de maio último, ao novo transporte da região litorânea, o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), em operação desde 4 de janeiro deste ano. O sistema, que já é realidade há alguns anos em cidades europeias, tem emissão zero de poluentes, como aponta a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU), órgão do governo estadual responsável pela obra. Mário Edison Picchi Gallego, presidente da Delegacia Sindical do SEESP no Alto Tietê, que trabalhou na obra, deu suporte ao grupo.

Acordos fechados – Data-base em 1º de maio
Sabesp – Em assembleia no dia 31 de maio, os engenheiros aprovaram proposta apresentada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT) – 2ª Região. O acordo inclui reajuste salarial de 10,03% (IPC-Fipe) extensivo aos benefícios, rediscussão do valor da cesta-básica em novembro e reavaliação dos critérios para aplicação do Plano de Cargos e Salários.

Metrô – A categoria aprovou proposta da empresa em assembleia no dia 31 de maio. Essa abrange reajuste salarial de 10,03% (IPC-Fipe) em duas parcelas, extensivo aos benefícios (vale-alimentação e vale-refeição têm percentual superior, de 10,03% retroativos a 1º de maio e respectivamente de 3,46% e 0,48% em 1º de novembro).

Cetesb – Após seis dias de greve, os engenheiros aprovaram em assembleia no dia 14 de junho proposta apresentada pelo TRT. Entre os itens, estão reajuste salarial pelo IPC-Fipe em duas parcelas. O percentual de 10,03% será pago também sobre os benefícios, em 1º de maio. O acordo engloba o compromisso da empresa de discutir a possibilidade de implantação do Plano de Cargos e Salários e do Programa de Participação nos Resultados (PPR) a partir de janeiro de 2017.

Dersa – Os engenheiros aprovaram proposta do TRT em assembleia no dia 22 de junho. Essa prevê reajuste salarial pelo IPC-Fipe e dos benefícios de 10,04%, retroativos à data-base, bem como compromisso da empresa de discutir, até janeiro de 2017, critérios para eventual pagamento de PLR.

SPTrans – No dia 23 de junho, a categoria aprovou proposta da empresa, que inclui: reposição salarial de 10,03% em duas parcelas e dos demais benefícios em uma única vez (na data-base). Serão ainda aplicados 7,5% sobre os valores da Participação nos Resultados (PR).

Melhorar qualidade da banda larga
É caótica a situação atual da infraestrutura de banda larga no Brasil. O alerta foi dado pelo consultor Marcius Vitale durante o debate “Banda larga versus infraestrutura nacional precária”, promovido pelo Conselho Assessor de Comunicação e Telecomunicações do Conselho Tecnológico do SEESP no dia 25 de maio, na sede do sindicato, em São Paulo. Para o especialista, solução para elevar a qualidade é a instalação dos cabos de fibra óptica e uma revisão sobre o compartilhamento da infraestrutura.

Sindicato promove palestra em Taubaté
A Delegacia Sindical do SEESP na cidade oferece, no dia 22 de setembro, às 19h, uma palestra sobre equipamentos Netzsch (bomba lobular tornado, bomba helicoidal nemo e trituradores) para estação elevatória de esgoto, de tratamento de efluente e de água, com os especialistas Nelson Bertaia, Andre Batagin e Marcio Segura, da Netzsch do Brasil. A atividade será realizada na sede da delegacia (Rua Venezuela, 271). Inscrições pelos telefones (12) 3633-5411 e 3631-4047 ou pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Energia em pauta
O secretário de Energia e Mineração do Estado de São Paulo, João Carlos de Souza Meirelles, apresentou a palestra “Política energética” no dia 1º de junho, em reunião do Comitê Gestor do Conselho Tecnológico do SEESP, na sede do sindicato, na Capital. Entre outros pontos, ele alertou que o Estado é um dos maiores consumidores de energia do País e necessita da engenharia para construir um modelo não só local, mas também nacional. O presidente da entidade, Murilo Celso de Campos Pinheiro, ratificou no ensejo o papel fundamental da categoria para tanto.

Santo André aprova propostas à Conferência Estadual das Cidades
A Delegacia Sindical do SEESP no Grande ABC participou, no dia 11 de junho, da 6ª Conferência Municipal das Cidades, em Santo André, que contou com representantes do poder público local, do Conselho Municipal de Política Urbana (CMPU) e da sociedade civil. Na ocasião, o diretor Helton Alves da Costa destacou “a ampla discussão em que levantamos problemas e apontamos soluções para a melhoria do funcionamento das cidades brasileiras”.
Abordando o tema “A função social da cidade e da propriedade”, foram eleitos delegados à conferência estadual e aprovadas propostas a serem levadas a essa próxima etapa, que se realizará em 2017. Segundo Reinaldo Alfredo Caetano Bascchera, diretor do Departamento de Desenvolvimento e Projetos Urbanos da Prefeitura e representante do CMPU, essas incluem: a manutenção da modalidade “Entidades” no “Minha Casa Minha Vida”, a ampliação dos recursos do programa e qualificação dos projetos; o incremento dos recursos para urbanização de favelas; a vinculação da liberação de recursos federais aos municípios que apliquem os instrumentos de combate à especulação imobiliária.

Mais nesta categoria: « Maringoni Opinião »

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar



Receba o SEESP Notícias

E-mail:

agenda