logo seesp ap 22

 

BannerAssocie se

DESENVOLVIMENTO - “Cresce Brasil” terá foco na Copa de 2014

Avalie este item
(0 votos)

Rita Casaro

        A largada para a nova etapa da iniciativa voltada ao desenvolvimento nacional foi dada na reunião da Diretoria Executiva da FNE (Federação Nacional dos Engenheiros), realizada em Teresina, em 28 de janeiro último. O “Cresce Brasil + Engenharia + Desenvolvimento”, ao longo de 2011, estará voltado ao que pode representar uma grande oportunidade de avanço na infraestrutura urbana dos municípios brasileiros: as obras previstas para cada uma das 12 cidades-sedes escolhidas para os jogos da Copa do Mundo de 2014. “Nosso interesse está no legado que isso pode deixar ao País.

        É importante que tudo seja feito da melhor forma possível, com planejamento e transparência, mas também que tenha utilidade após a Copa”, salienta o presidente da federação e do SEESP, Murilo Pinheiro.

        De acordo com o plano de trabalho aprovado pela Diretoria, a nova empreitada da FNE, que terá o engajamento dos sindicatos filiados, será desdobrada em três centros de formulação: a) as tarefas exigidas para a preparação e realização do evento, principalmente em termos de infraestrutura; b) as necessidades locais e regionais para que sejam cumpridas a contento; e c) o saldo econômico, social, cultural e estrutural que a Copa venha a proporcionar ao País.

        A exemplo de como foi produzido o primeiro manifesto, ainda em 2006 – depois atualizado e ampliado –, os temas considerados essenciais (mobilidade urbana; energia; telecomunicações; segurança; recursos humanos; estrutura portuária e aeroportuária; saneamento; hotelaria e turismo; estádios e estruturas de apoio; e financiamento) terão notas técnicas elaboradas por especialistas e serão debatidos em seminários que acontecerão nas capitais que abrigarão os jogos. Tais eventos devem ocorrer entre os meses de março e novembro, segundo calendário a ser definido em fevereiro. Ao final do processo, as propostas da FNE serão editadas em material gráfico e eletrônico para ampla distribuição em todo o País, “dando materialidade à contribuição dos engenheiros brasileiros para o sucesso de uma empreitada de largo fôlego, como é a realização de uma Copa do Mundo de futebol”, salienta o documento “O Cresce Brasil e a Copa de 2014”. Além disso, espera-se, no decorrer do processo, assegurar o envolvimento direto de todos os atores públicos e privados relacionados com o evento, através da participação nos 12 acontecimentos regionais programados. Objetivo fundamental ainda é garantir que as discussões e decisões sobre a realização da Copa sejam um momento, por excelência, para o fortalecimento da agenda nacional do crescimento econômico e do desenvolvimento brasileiro.

        Ainda em 28 de janeiro, durante a solenidade de posse da Diretoria do Sindicato dos Engenheiros do Piauí, tal intuito recebeu reforço com a participação do representante do Ministério do Esporte, Joel Benin, que falou em nome do titular da pasta, Orlando Silva. Segundo ele, “a realização da Copa de 2014, assim como das Olimpíadas de 2016, está sintonizada com o movimento da FNE pelo desenvolvimento”. “Faremos com que o Brasil se fortaleça ainda mais com esses eventos”, afirmou.

 

 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar



Receba o SEESP Notícias

E-mail:

agenda