GRCS

30/04/2014

Barão de Itararé elege nova diretoria e amplia conselho

A Reunião Anual do Conselho Consultivo do Barão de Itararé, que aconteceu na quinta-feira (24), em São Paulo, reuniu jornalistas, representantes de movimentos sociais e lutadores sociais para eleger a nova diretoria da entidade, fazer um balanço do último período e discutir os desafios para intensificar a luta pela democratização da comunicação no país.

A atividade foi avaliada pelo jornalista Altamiro Borges (Miro), presidente da entidade, como bastante positiva: “Foi um encontro muito participativo e com representatividade. O balanço da atuação do Barão no último ano foi excelente, suscitando, inclusive, a necessidade de ampliar a estrutura da entidade para dar conta de toda a demanda que a luta exige”. Como exemplos de frentes diversas que surgem, ele cita o movimento pela liberdade na Internet e o debate em torno da comunicação pública.

Entre os desafios que o Barão deve encarar para o próximo período, algumas diretrizes foram estabelecidas como prioritárias. “A ação política em torno da campanha do Projeto de Lei da Mídia Democrática e as atividades de formação, como os cursos de jornalismo que promovemos, serão aprofundados”, afirma o jornalista, avaliando, também, que é preciso dar mais visibilidade a essas ações.

“Além disso”, prossegue, “também precisamos estimular a organização do Barão nos diversos estados do país”. Conforme relata, atualmente são sete núcleos já constituídos (Rio de Janeiro, Goiás, Minas Gerais, Brasília, Rio Grande do Sul, Pará e São Paulo) e mais três em vias de consolidarem-se. “O interessante dos núcleos”, explica Miro, “é que podem desenvolver a luta local pela democratização da mídia com autonomia e criatividade”.

Em relação ao financiamento da entidade, Miro ressalta a importância da campanha Seja Amigo do Barão, que agregou mais de 200 associados ao Barão de Itararé e continua ativa. As diversas formas de contribuição disponibilizadas na ação são imprescindíveis para a manutenção da entidade, mas segundo o jornalista, ainda são necessários mais recursos e fontes de receita para ampliar sua presença e atuação.

“Outra importante avaliação que foi feita pelos participantes diz respeito ao crescimento significativo do Barão de Itararé, o que garante mais institucionalidade”, aponta Miro. “Com isso, surge uma necessidade de reformulação do estatuto, tendo em vista a valorização dos núcleos, o fortalecimento do conselho consultivo e a definição dos direitos dos afiliados à entidade”.

Conselho plural e diretoria renovada

Conferindo ainda mais diversidade ao Conselho Consultivo da entidade, a reunião garantiu a aprovação de mais 20 integrantes dentre jornalistas e entidades do campo da luta pela democratização da mídia – entre elas a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) e a TVT - TV dos Trabalhadores.

Como argumenta Miro, a renovação no quadro diretivo da entidade diz respeito ao fato de algumas pessoas que o integravam terem assumido outros compromissos e funções. “Somos gratos pela valorosa contribuição de todos, pois ajudaram a construir e fortalecer o Barão”, registra.


Abaixo, a lista da nova diretoria eleita na Reunião Anual do Conselho Consultivo do Barão de Itararé.


Diretoria
Presidente – Altamiro Borges
Secretária geral – Renata Mielli
Diretora de Finanças e planejamento – Danielle Penha
Diretora de Estudos e Pesquisas – Rita Casaro
Diretor de Comunicação – Rodrigo Vianna
Diretor de Formação – Leonardo Severo
Diretora de Políticas Públicas – Sonia Correa


Conselho Fiscal

Igor Felipe
Ismael Cardoso
Ana Flávia Marx


Suplentes do Conselho Fiscal

Bea Tibiriçá
Maria Alice Vieira
Raimunda de Souza Gomes (Doquinha)


Conselho Consultivo

Adalberto Monteiro – Fundação Mauricio Grabois;
Antonio Martins – Site Outras Palavras;
Audálio Dantas – Jornalista;
Bartíria Costa – Confederação Nacional das Associações de Moradores (Conam);
Beatriz Kushnir – Universidade Federal Fluminense;
Beto Almeida – Telesur;
Breno Altman – Opera Mundi;
Carlos Lopes – Jornal Hora do Povo;
Celso Schröder – Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj)
César Bolaño – Universidade Federal de Sergipe;
Conceição Oliveira – Blog Maria Frô;
Cynara Menezes – Revista CartaCapital;
Daniel Castro – Jornalista;
Dênis de Moraes – Universidade Federal Fluminense (UFF);
Dennis de Oliveira – Universidade de São Paulo (USP);
Edson França – Unegro;
Eduardo Guimarães – Blog Cidadania;
Emir Sader – Sociólogo;
Ermanno Alegri – Portal Adital;
Fábio Konder Comparato – Jurista;
Fernando Morais – Escritor;
Gilberto Maringoni – Universidade Federal do ABC;
Gilson Caroni – Faculdades Integradas Hélio Alonso;
Gualberto Costa – Associação Brasileira de Cartunistas;
Guiomar Prates – Século Comunicação Integrada;
Igor Fuser – Universidade Federal do ABC Paulista;
João Brant – Intervozes;
João Franzim – Agência Sindical;
João Guilherme Vargas Neto – Consultor sindical;
Joaquim Palhares – Carta Maior;
Joaquim Soriano – Fundação Perseu Abramo;
José Augusto Oliveira (Guto) – Sindicato dos Jornalistas de São Paulo;
José de Abreu – Ator
José Reinaldo de Carvalho – Portal Vermelho;
José Soter – Associação Brasileira de Rádios Comunitárias (Abraço);
Laura Tresca – Artigo 19;
Laurindo Lalo Leal Filho – Universidade de São Paulo (USP);
Leandro Fortes – Jornalista;
Liège Rocha – União Brasileira de Mulheres (UBM);
Lino Bocchini – Revista CartaCapital;
Luana Bonone – Associação Nacional de Pós Graduandos – ANPG;
Luciano Martins Costa – Observatório da Imprensa;
Luis Fernando Verissimo – Escritor;
Luis Nassif – Jornalista;
Luiz Carlos Azenha –Blog Viomundo;
Madalena Guasco – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Estabelecimentos de Ensino (Contee);
Marcia Quintanilha – Sindicato dos Jornalistas de São Paulo;
Marcio Pochmann – Fundação Perseu Abramo;
Marcos Dantas – Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ);
Maria Inês Nassif – Jornalista;
Mauricio Dias – Editor especial da CartaCapital;
Miguel do Rosário – Blog O Cafezinho;
Mouzar Benedito – Escritor;
Nascimento Silva – Fitert;
Natalia Viana – Agência Pública;
Nilton Viana – Jornal Brasil de Fato;
Orlando Guilhon – Associação Brasileira de Rádios Públicas;
Oswaldo Colibri – Rádio Brasil Atual;
Palmério Dória – jornalista e escritor;
Paulo Miranda – Associação Brasileira de Canais Comunitários (ABCCom);
Paulo Moreira Leite – Revista IstoÉ;
Paulo Nogueira – Blog Diário do Centro do Mundo;
Paulo Salvador – Rede Brasil Atual;
Percival Henriques – Presidente da Associação Nacional de Inclusão Digital (Anid) e membro do CGI;
Rachel Moreno – Mulher e Mídia;
Regina Lima – Ouvidora da Empresa Brasil de Comunicação (EBC);
Renato Rovai – Revista Fórum;
Rita Freire – Ciranda da Comunicação;
Rodrigo Savazoni – Cultura Digital;
Ronaldo de Moura – assessoria de comunicação da Contag;
Rosane Bertotti – Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC) e CUT;
Sérgio Amadeu – Professor da Universidade Federal do ABC;
Sérgio Gomes – Oboré;
Socorro Gomes – Cebrapaz;
Sylvio Micelli – Federação dos Servidores Públicos de São Paulo;
Teresa Cruvinel – jornalista;
Valter Sanches – TVT
Venício Lima – pesquisador da Universidade de Brasília;
Virgínia Barros – União Nacional dos Estudantes (UNE);
Vito Giannotti – Núcleo Piratininga de Comunicação (NPC);
Wagner Nabuco – Revista Caros Amigos


Fonte: Barão de Itararé





 

Lido 1915 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

agenda