GRCS

22/06/2012

Sindicatos em greve lançam manifesto à população

Em ato simbólico realizado, ao mesmo tempo, na Câmara dos Deputados, em Brasília, e na Cúpula dos Povos, no Rio de Janeiro, servidores da educação denunciaram o desprezo do governo federal pela educação pública do País, lançaram o Manifesto à População e instalaram a Coordenação Unificada dos Comandos de Greve das Entidades Sindicais do setor da educação. Foi nesta quarta-feira (20/06) e promovido pelo Sinasefe (Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica), pelo Andes-SN (Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior) e pela Fasubra (Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores das Universidades Públicas Brasileiras).

Na avaliação dos sindicalistas, o ato foi uma forma de as três entidades assumirem uma agenda comum de atividades e a oportunidade de aproximar o movimento sindical do movimento dos estudantes, também em greve em várias regiões do País, bem como uma ocasião especial para chamar outras categorias do serviço público com pauta comum para se unirem à educação.

Os participantes concordaram em afirmar que a coordenação unificada é uma oportunidade histórica que não acontecia há muitos anos em razão da incidência intencional do governo de separar as diversas categorias do serviço público. Eles destacaram que a coordenação é a própria materialização de uma conquista muito trabalhada. "Estamos colhendo os frutos aqui de todo um trabalho de rearticulação para que possamos fazer uma incidência que realmente mude a realidade a favor de uma política pública essencial que a população clama, que é a política de educação de verdade e de qualidade".

Imprensa – SEESP
* Com informação do Sinasefe


Lido 1249 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

Oportunidades Plataforma 29 04 1

VAGAS DE ESTÁGIO DE ENGENHARIA

agenda