GRCS

13/06/2012

Fator previdenciário em debate no JE na TV

“É uma vergonha, no Brasil o trabalhador não tem direito a nada, pois ninguém escuta as opiniões e necessidades daquele que trabalha a vida todo pelo seu país e no fim da idade fica mendigando por uma solução mais viável, para um benefício que é de direito.” Esse e muitos outros comentários são de internautas indignados com o fator previdenciário que, como diz o advogado Thiago Barison, tem o objetivo apenas de reduzir o valor das aposentadorias. Por isso, trabalhadores da ativa e já aposentados querem o fim do sistema, implantado no governo Fernando Henrique Cardoso, em 1999.

Em 2003, o senador Paulo Paim (PT/RS) apresentou o Projeto de Lei nº 296 que acabava com o fator previdenciário. A matéria foi aprovada na Casa em 2008, desde então está na Câmara dos Deputados para apreciação e votação. A última informação sobre a tramitação do tema, que na Câmara está sob o número 3.299/08, é que se discute um acordo para que a matéria seja votada pelo Plenário.

O JE (Jornal do Engenheiro) na TV, da próxima semana, debaterá o assunto com o advogado especialista em Previdência Social, Thiago Barison. Veja como assistir ao programa, consultando a nossa grade de transmissão aqui. O JE na TV também pode ser acompanhado, pela internet, às segundas-feiras, às 23h30, neste link.

 

Rosângela Ribeiro Gil
Imprensa – SEESP

 

Leia também
* Fator previdenciário é um redutor do valor da aposentadoria
* Movimento sindical quer fim do fator previdenciário


Lido 3144 vezes

Comentários   

# INACEITÁVELRegina 18-09-2012 14:29
É inaceitável que uma pessoa depois de contribuir 29 anos e 10 meses para a previdencia,apo sente com um mísero salário mínimo,d epois ser obrigada a continuar contribuindo com o INSS e não ter direito a revisção da aposentadoria. Isso é um ROUBO
# A SEMANA QUE VEM???EDVALDO M. ALVES 26-06-2012 13:37
PASMEM!!!SEMANA QUE VEM. É ESTA A FALA DE SEMPRE.
O PIOR É QUE ESTA SEMANA QUE VEM AINDA TEM QUE SER VOTADA PARA EXISTIR, COMO NÃO É DE INTERESSE DOS PARLAMENTARES ELA COM CERTEZA FICARÁ ENGAVETADA ATÉ A VOTAÇÃO DE OUTRA " SEMANA QUE VEM"
# REF. FIM DO FATOR PREVIENCIARIOMaria Do Carmo Vieir 14-06-2012 11:57
Desde 2008 venho esperando o fim do fator previdenciário.
Todo ano eles vão empurrando com a barriga, o pior é que todos estão conscientes de que o fator é uma tremenda injustiça contra o trabalhador do Brasileiro.
Não é possível que vão passar do 1° semestre pra decidirem isso.
# Fator Previdenciáriomorvan deon 13-06-2012 14:02
Que motivos levam nosso Congresso, Executivo e o Judiciário a não agirem de acordo com as leis seguindo os preceitos da Constituição? São incompreensívei s as atitudes de nossos representantes que nunca querem ver esta situação em que se encontra o trabalhador brasileiro no que se trata sobre o Fator Previdenciário. Em que eles se fundamentam para postergar meses após meses, anos após anos um direito que temos que está inserido nas páginas de nossa Carta Magna.
Poderíamos aceitar a continuidade desta disposição se não tivéssemos contribuído religiosamente todos os meses, durante os trinta e cinco anos exigidos, para sermos contemplados com a integralidade de nossas aposentadorias. Está provado por especialistas em matéria previdenciária e profissionais competentes que nunca houve e nunca haverá déficit neste setor, mesmo com a longevidade das pessoas e aumento da população.
Nós brasileiros, reivindicamos, comentamos e damos sugestões em todos os meios de comunicação, mas julgo que não chegam até o destino, ou se chegam, permanecem calados e omissos, pois, não nos fornecem respostas plausíveis e coerentes para este assunto porque sabem que elas não existem e se porventura existissem seriam com argumentos falsos. O que está acontecendo é a verdadeira injustiça cometida a todos nós, construtores deste País.
É algo que não conseguimos compreender, ou será que sabemos?
Este dinheiro é sugado do bolso do trabalhador para servir às conveniências do governo, para encobrir sua má gestão e outras aplicações que nunca saberemos. E nossa mídia, grande parte dela, em acordo com ele o governo, jamais divulgará a verdade porque também os beneficiam.
A) Governo e Congresso não atuam como deveriam atuar; por quê?
B) Afirmam que querem consenso, mas na realidade ninguém deseja que haja consenso.
C) Sindicatos... Deprimente!
D) Judiciário? Sempre com os olhos vendados e acatando sem questionamentos o que determina os outros poderes. Não existe mais a análise do certo e do errado.
E) Senadores e deputados lutam em favor de que ou de quem? Simplesmente prevaricam em suas funções.
F) Surgem determinações erradas no governo. Por que não reparar este Grande Erro contra o trabalhador?
G) Bancos e empresários com qualquer tipo de dificuldades, nosso governo viaja a velocidade da luz, estejam em qualquer parte do mundo, para socorrê-los; e para os trabalhadores desta Pátria a morosidade, o descaso e o desrespeito é o que impera.
H) Milhões de Dinheiro são reservados ao INSS para pagamentos de processos judiciais. Isto implica que estão conscientes que estão agindo em desacordo com os direitos estabelecidos.
I) A comoção com o passado é natural. O governo precisa com urgência comover-se também com esta causa (A não elaboração de mecanismos que lesam nossas aposentadorias).
J) A Crise Internacional é o momento difícil que de tempos em tempos todos os países passam, mas associá-lo a um problema interno para escapar de sua resolução, problema este que se arrasta há mais de dez anos, é inconcebível.
Senhores dos Três Poderes! Respeitem nosso povo, somos dignos e precisamos de da atuação séria, verdadeira e honesta para colocar um fim neste episódio lastimável que foi imposto pelos senhores.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

Oportunidades Plataforma 29 04 1

VAGAS DE ESTÁGIO DE ENGENHARIA

agenda