GRCS

17/05/2021

Centrais debatem hoje igualdade para as mulheres

Agência Sindical

 

Dirigentes femininas das centrais sindicais realizam nesta segunda-feira (17/5), às 17h, a live “Igualdade na Vida e no Trabalho”. No centro do debate o Projeto de Lei Complementar 130/2011, que combate a desigualdade salarial entre homens e mulheres.

 

Além das sindicalistas ligadas à CUT, Força Sindical, CTB, UGT, CSB, CGTB e Nova Central, participam a deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ) e o senador Paulo Paim (PT-RS).

 

A proposta insere na CLT multa à empresa que pagar salários diferentes para homem e mulher na mesma função. De autoria do então deputado Marçal Filho (MDB-MS), o projeto já havia sido aprovado pelo Congresso e aguardava sanção presidencial. Mas retornou à Câmara, sob alegação de que seu mérito foi alterado. Empresários defendem veto.

 

Dia 22 de abril último, o presidente Bolsonaro, alinhado ao pensamento patronal, anunciou intenção de vetar o PL. Ele diz temer que as empresas não contratem mulheres.

 

A deputada Feghali lembra que o projeto tramita há mais de uma década e que as mulheres lutam para superar desigualdades em vários setores. Ela considera inaceitável a diferença de remuneração na mesma função. “Devemos avançar em outras legislações, a fim de romper com o atraso”, observa a parlamentar.

 

Maria Auxiliadora, secretária Nacional de Políticas para as Mulheres da Força, convoca para o evento: “A participação das nossas lideranças reforçará a luta das mulheres por igualdade no mercado de trabalho”.

 

Acesse o link e faça a inscrição - https://bit.ly/3w8xfop 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Lido 189 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

agenda