Logos

GRCS

Oportunidades – Estudantes na luta pela valorização da profissão

Avalie este item
(1 Votar)

Núcleo Jovem Engenheiro

Os engenheiros paulistas inovam ao formar o primeiro grupo de estudantes da área que vão integrar a edição inaugural do Programa Voluntários do Núcleo Jovem Engenheiro do SEESP. O edital que lançou o processo teve 29 inscritos; desses, 16 passaram no processo seletivo realizado em 13 de abril último, na sede do sindicato, na capital paulista. Na ocasião foi feita uma entrevista coletiva, seguida de uma dinâmica de grupo a partir de um desafio proposto.

A coordenadora do Núcleo Jovem, Marcellie Dessimoni, comemora: “São futuros engenheiros já preocupados em garantir o protagonismo da área em suas diversas atuações, seja na atividade privada ou pública, tendo como foco primordial a sustentabilidade e o social. Pessoas que não visam apenas o lucro, mas veem a profissão como uma maneira de promover o bem-estar de todos.”

Outro ponto destacado por ela é que o grupo selecionado alcançou a paridade de gênero. A idade dos classificados está entre 25 e 30 anos. “Tivemos candidatos de diversas regiões da Capital e de outras cidades, como Santos, Osasco, Bertioga, Ferraz de Vasconcelos, Praia Grande, Guarulhos”, observa.

A posse do grupo de voluntários, para o biênio 2019-2020, se deu no dia 30 de abril último, na reunião de Diretoria Plena do SEESP, em São Paulo. Como explica Dessimoni, eles vão realizar reuniões presenciais e online. Entre os pontos a serem discutidos, divulgação das atividades do núcleo e suas ações para a categoria; qualificação; projetos sociais; e organização do I Encontro Paulista de Jovens Engenheiros.

 

Classificados

Entre os requisitos para participar do programa estavam ser estudante de engenharia a partir do terceiro semestre em 2019 ou recém-formado na profissão (até três anos); estar associado ao SEESP e em dia com a anuidade; e ter disponibilidade para viagens. Os selecionados são Bruno Lucas Matheus Marcelino; Bruno Machado dos Santos; Elisabeth Silva Pereira; Jéssica Trindade Passos; Leidiaane Rodrigues Costa; Lucas Gabriel Batista Alves; Maria Paula de Nicola Arieta; Matheus Sales Sampaio; Mayrah Felix Moraes; Paulo Raphael Pessoa de Mello; Pedro Daniel de Souza Matias; Rogério Magela; Tamires Pinheiro da Silva; Thamires da Silva Morgado; Thiago de França Benguella; e Ygor Henrique Siqueira Marinho.

 

 

De olho no mercado

Estágio 2019 para engenharias

 

Novartis

O grupo farmacêutico suíço abriu inscrições para o programa de estágio e busca universitários que atuarão na sede da empresa em São Paulo. As oportunidades são para os cursos de engenharia, com graduação entre dezembro de 2020 e dezembro de 2021. Inscrições até 10 de maio.

GOL Linhas Aéreas Inteligentes

A companhia disponibiliza cerca de 60 vagas para o seu Programa de Estágio 2019, que será desenvolvido nas mais diversas áreas na sede da empresa, próxima ao Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, e no Centro de Manutenção de Aeronaves, em Minas Gerais. Entre os cursos elegíveis, todas as engenharias a partir do segundo ano da graduação. Inscrições até 15 de maio.

 

DuPont

A empresa norte-americana de inovação e ciência oferece, no seu programa de estágio, 20 vagas no Estado de São Paulo, nos níveis técnico e superior, em Alphaville, Barueri, Cotia, Pindamonhangaba e Pirapozinho. Entre os cursos solicitados estão os de Engenharia de Produção, Elétrica e Química. Inscrições até 15 de maio.

Esses e outros processos seletivos aqui.

 

 

Carreira

Ética de avô para neto

Rodrigo Lucci é engenheiro civil formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie em 2005. A inspiração para seguir a profissão veio do avô Ezequiel da Silva Martins, que atuou como engenheiro nas áreas ferroviária, em Salvador (BA), e portuária, junto à antiga Companhia Docas de Santos (CDS), hoje Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), administradora do Porto de Santos. Falecido aos 84 anos em 2007, ele é, como diz Lucci, o “meu bom exemplo profissional, que trabalhou na área sempre aliado à ética”. O bom modelo que segue não para por aí: “Meu avô me aconselhou a ser associado ao Sindicato dos Engenheiros assim que me formasse. Foi o que fiz.”

O neto se especializou em áreas como hidráulica e recursos hídricos. Agora finaliza mestrado no Departamento de Engenharia Hidráulica e Ambiental da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (Poli-USP). Como aperfeiçoamento nunca é demais, Lucci participou do atendimento personalizado de apoio à carreira oferecido pelo SEESP no setor de Oportunidades na Engenharia. “Tive uma grata surpresa. O atendimento me trouxe informações importantes sobre o mercado de trabalho atual. Está me ajudando muito, por isso estou falando sobre o serviço para muita gente.”

Conheça aqui a área de apoio à carreira.

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

VAGAS DE ESTÁGIO

agenda