Logos

GRCS

17/06/2013

Prefeito de Teresina fala sobre saneamento em seminário da FNE

Avalie este item
(0 votos)

Durante participação no Seminário Gestão em Saneamento, promovido pela FNE (Federação Nacional dos Engenheiros), no último dia 14, em Teresina (PI), o prefeito da cidade, Firmino Filho, garantiu que o planejamento da Prefeitura de Teresina é buscar uma solução para o esgotamento sanitário e distribuição de água com a participação da Agespisa (Águas e Esgotos do Piauí S.A.). Entretanto, o gestor garantiu que caso não haja uma reação da companhia de saneamento será necessário buscar outro caminho para resolver o problema.

"É inadmissível uma cidade como Teresina ter menos de 20% de cobertura de esgotamento sanitário e ter problemas constantes na distribuição de água. Estamos buscando fortalecer a Arsete (Agência Municipal de Regulação de Serviços Públicos de Teresina) para cumprir o seu papel de reguladora e fiscalizadora do serviço público de saneamento", assegurou o prefeito.

O presidente da Agespisa, Antonio Filho, informou que na atual situação da empresa não há como cumprir o contrato de programa firmado em 2011 com a prefeitura para atingir 82% da cobertura de esgotamento sanitário em 2021. Por outro lado, ele garantiu que está somando esforços para encontrar um modelo que resolva a solução. Segundo ele, os principais problemas são de falta de projetos técnicos, captação de recursos e capacidade operacional. 

O presidente do Sindicato dos Engenheiros do Piauí, Antonio Florentino Filho, afirmou que o seminário conta com a participação de engenheiros de 18 estados para discutir qual a melhor alternativa para desentravar os entraves do setor de saneamento básico. "Vamos sair daqui com uma proposta que será discutida em todo o País para levarmos às gestões de saneamento para ajudar a desenvolver o setor".
 

Fonte: Portal GP1




Lido 1481 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

VAGAS DE ESTÁGIO

agenda

art creasp