Logos

GRCS

×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 69

24/09/2012

Abertura do VIII Conse reúne governador e várias autoridades

Engenheiros de várias partes do Brasil estão reunidos a partir desta segunda-feira (24/09) e até a próxima quarta, na Capital paulista, na oitava edição do congresso nacional da categoria (Conse), organizada pela FNE (Federação Nacional dos Engenheiros). À abertura do evento, na parte da manhã, na Sala São Paulo, estiveram presentes várias autoridades, entre elas o governador do Estado, Geraldo Alckmin; o prefeito Gilberto Kassab; o ministro do Esporte, Aldo Rebelo; o presidente da Alesp (Assembleia Legislativa), deputado Barros Munhoz; e o desembargador William Carlos Roberto Campos, representando o presidente do TJ-SP, Ivan Sartori.

Veja aqui as fotos da abertura do VIII Conse
Veja aqui as fotos do período da tarde do evento 

O presidente da FNE, Murilo Celso de Campos Pinheiro, em seu discurso de saudação aos presentes, destacou que o VIII Conse marcava uma história árdua da entidade. “Podemos, sim, acreditar que o possível é uma questão de querer, de trabalhar e de nos dedicarmos às nossas causas”, destacou. Ao mesmo tempo, disse que os últimos três anos da entidade foram marcados por muitas lutas e grandes vitórias e que isso foi possível ao “esforço coletivo de uma equipe de diretores, presidentes de sindicatos e de vários profissionais de Norte a Sul, de Leste a Oeste desse nosso grandioso país. E isso nos faz crer que vale à pena continuarmos o caminho que traçamos.”

A posição favorável do Brasil em vários rankings mundiais, como o da economia e da competitividade, também foi lembrada por Pinheiro, que exaltou a necessidade do país alcançar, agora, outros rankings, como o do desenvolvimento humano, com melhor distribuição de renda, saúde, cultura e lazer para todos.

O papel da FNE, portanto, como observou o presidente, vai além da representatividade sindical em busca da valorização do profissional da área, é o de atuar, também, firmemente nas políticas públicas com a elaboração de propostas factíveis, várias delas já reunidas no projeto “Cresce Brasil + Engenharia + Desenvolvimento”, lançado pela entidade em 2006.

O ministro Aldo Rebelo lembrou os convênios de colaboração técnica firmados, no início deste ano, com a FNE, para as obras de infraestrutura da Copa de 2014. Para ele, o Brasil recupera no seu imaginário da vida institucional, social e econômica o papel fundamental da engenharia. Rebelo defendeu que conceito contemporâneo de democracia inclui o direito ao desenvolvimento, sem exclusões sociais. “Se não há democracia sem desenvolvimento, não há desenvolvimento sem engenharia”, exaltou, ressaltando que o Brasil acolhe, nos próximos anos, os dois eventos esportivos mais importantes do mundo, como a Copa e as Olimpíadas, “não há como realizá-los sem o concurso, a história e as tradições das nossas engenharias”.

O governador Geraldo Alckmin disse que a escolha do local para a abertura do congresso foi muito feliz, porque ele era fruto da engenharia. “Estamos numa estação de trem, a Júlio Prestes, que foi convertida numa das melhoras salas de concerto do mundo”, destacou. Ele lembrou que aprendeu muito com o ex-governador Mário Covas, “que era engenheiro e tinha a objetividade da profissão e a grande sensibilidade do homem público. Covas sempre dizia que a segurança do seu trabalho veio da engenharia. Todas as profissões contribuem para o desenvolvimento do nosso país, mas eu diria que no centro de todas elas vemos a presença do engenheiro, artífice do desenvolvimento”.

O prefeito Gilberto Kassab expressou sua gratidão para com a engenharia, responsável pelos grandes projetos nacionais.

Participaram, ainda, da mesa de abertura do VIII Conse, os deputados federais Arnaldo Jardim (PPS) e Carlos Zarattini e Paulo Teixeira (ambos do PT); os vereadores paulistanos Eliseu Gabriel (PSB) e Jamil Murad (PCdoB); o presidente do Confea, José Tadeu da Silva; os secretários municipais de São Paulo Marcos Cintra (Desenvolvimento Econômico e Trabalho), Miguel Bucalem (do Desenvolvimento Urbano) e o secretário adjunto da Habitação do Estado, Marcos Penido; o secretário adjunto de Cultura do Estado de São Paulo, Sérgio Tiezzi; e o secretário da Infraestrutura do Estado de Goiás, Danilo de Freitas.

O VIII Conse prossegue com os trabalhos no Novotel Jaraguá até o dia 26 próximo, com exposições e debates com o tema “Cresce Brasil + Engenharia + Desenvolvimento – Brasil + Inteligente”. Confira toda a programação aqui.

Orquestra
Ao final da cerimônia, a Orquestra de Câmara da Escola de Comunicações e Artes (ECA), da USP (Universidade de São Paulo), sob a regência do maestro Gil Jardim, apresentou obras de Beethoven.

 

Rosângela Ribeiro Gil
Imprensa - SEESP



Lido 2546 vezes

Comentários   

# ComentárioJairo Sanches 27-09-2012 10:32
Parabéns ao SEESP como instituição da qual tenho muita honra de pertencer.
São esses eventos que mostram o empenho de seus integrantes na prática e ou em obras que buscam enriquecer o papel do Engº na sociedade e por conseguinte em sua melhor qualidade de vida

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

VAGAS DE ESTÁGIO

agenda