Logos

GRCS

01/10/2019

Sem reajuste acordado, engenheiros da CET convocam assembleia com possibilidade de greve

Comunicação SEESP

 

O SEESP convoca os profissionais da Companhia de Engenharia de Trafego (CET) para Assembleia Geral Extraordinária na próxima quinta-feira, 3/10, às 19h, na Câmara Municipal, para discutir e deliberar sobre os rumos da campanha salarial 2019 com possibilidade, inclusive, de deflagração de movimento grevista.

 

No último dia 4/9, o sindicato havia encaminhado à CET a aprovação do Acordo Coletivo de Trabalho de 2019, conforme assembleia dos engenheiros da empresa realizada no dia anterior (3). Este acordo estaria baseado na proposta final da CET, formalizada ao SEESP em 22/8, que, em suma, previa reajuste salarial de 4,99%, retroativo à data-base, extensível aos benefícios de caráter econômico, entre outros pontos.

 

Na oportunidade, o SEESP informou à empresa que se a Junta Orçamentária Financeira (JOF) não aprovasse o referido acordo nas bases negociadas até o dia 3/10, seria convocada nova assembleia com a categoria para discutir e deliberar sobre a realização de greve, com vistas à instauração de Dissídio Coletivo de Greve contra a empresa.

 

O SEESP foi convocado pela empresa para saber posição da JOF em reunião no dia 30/9. Porém, na última quinta-feira (26), os engenheiros da CET constataram, pelo holerite, a ausência do reajuste aprovado.

 

Estaca zero

Na reunião ocorrida na segunda-feira, 30/9, com os sindicatos, o Conselho de Representação dos Empregados (CRE) e a Diretoria de Representação (DR), a CET informou que o Comitê de Governança das Entidades da Administração Indireta (COGEAI) deliberou pela rejeição do resultado das negociações salariais de 2019, alegando impossibilidade orçamentária e financeira propondo reabertura das negociações com vistas à rediscussão dos reajustes pretendidos, especialmente aqueles a serem aplicados sobre os valores dos benefícios.

 

O SEESP e o Sindiviários rejeitaram de pronto o encaminhamento proposto, justificando ser inadmissível voltar a estaca zero de um processo negocial já concluído, com proposta negociada e aprovada pelos engenheiros em assembleia e que, conforme informado pela própria CET, estava em estrita consonância com o disposto na orientação “proposta de aumento de despesa de pessoal”, aprovada pela Junta Orçamentário-Financeira (JOF) do Município de São Paulo, em 1º de março de 2019.

 

Os sindicatos consignaram na ata que não confiam mais na JOF, pois esse órgão não cumpre e não faz cumprir suas próprias diretrizes.

 

Mobilização

Frente aos fatos e impasses, o SEESP reforça a convocação de assembleia objetivando que, se nenhuma posição em prol da campanha salarial dos profissionais for tomada, será iniciado possível movimento grevista para buscar solução junto à Justiça do Trabalho.

 

 

Agenda:

Assembleia Geral Extraordinária dos engenheiros da CET

Data: 3 de outubro de 2019

Horário: 19h (1ª convocação) e 19h30 (2ª convocação)

Local: Câmara Municipal de São Paulo.

 

 

 

 

 

 

*Matéria atualizada em 2/10/2019, às 12h38.

 

 

 

 

 

Lido 433 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

VAGAS DE ESTÁGIO

agenda