Logos

GRCS

09/08/2019

Ativismo, diversidade e inclusão nos processos seletivos da Votorantim Cimentos

Avalie este item
(6 votos)
Votorantim Cimentos, há um ano, adotou o "recrutamento às cegas" nos seus programas de trainee com apenas dois pré-requisitos.
 

Rosângela Ribeiro Gil

Oportunidades na Engenharia
Matéria atualizada no dia 13 de agosto de 2019, às 9h30

Fernanda Zamluti da Cruz, 26 anos, é Engenheira de Produção. Seu estágio obrigatório foi realizado na antiga Votorantim Siderurgia, onde permaneceu por quase dois anos. Depois desse período, fez outro estágio numa montadora de veículos. Hoje, faz parte do Programa de Trainee da Votorantim Cimentos, onde integra um projeto na área de Energia. “Estou estudando formas de viabilizar iniciativas de geração de energia renovável, como, por exemplo, solar e eólica”, diz, orgulhosa e feliz, definindo a nova experiência como “incrível”.

600 Votorantim Fernanda Zamluti TraineeFernanda Zamluti da Cruz define como incrível seu trabalho como engenheira na Votorantim.
Fotos: Divulgação/Votorantim Cimentos.


Fundada em 1933, a Votorantim Cimentos se tornou uma das maiores empresas globais do setor. O portfólio de materiais de construção vai além dos cimentos e inclui concretos, argamassas e agregados, além de insumos agrícolas. São quase 12 mil empregados e uma receita líquida de R$ 12,6 bilhões em 2018. As unidades da companhia estão estrategicamente próximas aos mais importantes mercados consumidores em crescimento e presente em dez países, além do Brasil: Argentina, Bolívia, Canadá, Espanha, Estados Unidos, Luxemburgo, Marrocos, Tunísia, Turquia e Uruguai. Um gigante que oferece uma série de oportunidades para os profissionais de engenharia, garante Aldo Frachia, consultor de Treinamento e Desenvolvimento de Pessoas e líder de Diversidade e Inclusão da empresa. “Atualmente temos quase 700 profissionais formados em engenharia trabalhando na Votorantim Cimentos Brasil”, assegura.

Conversamos com Frachia para conhecer mais como se dão os processos de recrutamento e seleção da Votorantim. O consultor apresenta: “Em nossos processos seletivos, independente da área de atuação, os candidatos já fazem contato direto com os temas de diversidade e inclusão, tanto pela percepção mista de perfis para a seleção, quanto por meio do conhecimento das ações que a companhia vem desenvolvendo a cada dia sobre as temáticas.”

Em nome da diversidade
Desde 2018, afirma o consultor, a Votorantim utiliza o “recrutamento às cegas” nos processos de trainee. Ou seja, explica, “não é necessário identificar a instituição de ensino onde o candidato estudou e não há restrição de idade”. Os pré-requisitos são apenas dois: ter até três anos de formado e nível de inglês intermediário. A prática adotada há um ano, diz Frachia, pretende valorizar a diversidade dos talentos. “Queremos que façam parte da nossa história e, para identificar e atrair esses talentos, repensamos o modo de chegar até a essas pessoas e como acessar suas habilidades de um jeito mais moderno e inclusivo.”

600 Votorantim Aldo Frachia 3Aldo Frachia assegura que companhia fundada em 1933 tem conseguido acompanhar a evolução da sociedade.

Os processos de seleção têm sido assertivos nas contratações, garante o consultor, que afirma: “Desde 2009, somente por meio do Programa de Trainee, mais de 100 empregados ingressaram dos quais 50 continuam conosco até hoje, representados majoritariamente por profissionais da engenharia. No último processo seletivo desse programa, por exemplo, dos 11 aprovados, oito são engenheiras e engenheiros.”

Ativismo: causas globais e comunitárias
Quanto ao perfil profissional desejado, Frachia sustenta que a Votorantim Cimentos também quer propiciar a chance do empregado ser protagonista do seu desenvolvimento por meio de diferentes experiências e projetos desafiadores. Por isso, o perfil buscado compreende ser colaborativo, esforçado, prático e proativo. “Prezamos por pessoas que gostem de aprender e adquirir novos conhecimentos”, observa, e que sejam “engajadas com causas globais e comunitárias e, por fim, conectadas com os acontecimentos que os cercam”.

Mas o que significa buscar ou incentivar posturas mais ativistas dos candidatos a vagas na Votorantim? De acordo com Frachia, a nova geração está em busca de projetos e trabalhos que enxerguem propósito para exercer suas atividades. “Diante disso, desde o ano passado a Votorantim Cimentos aderiu à ideia do impacto social já no processo seletivo de trainees. Acreditamos que ao incentivar essas atitudes conseguimos mostrar o propósito da companhia, o de querer mudar realidades. Também com o incentivo dessas atitudes, contribuímos para o desenvolvimento mais amplo do funcionário tanto em âmbito profissional quanto pessoal.”

Inteligência artificial
Os processos de recrutamento e seleção, da Votorantim Cimentos, para todas as vagas, incluindo as que não estão contempladas nos programas de portas de entrada, são feitos utilizando a inteligência artificial da plataforma Gupy [software que utiliza IA para otimizar a gestão de vagas]. “Esse recurso faz um cruzamento entre o currículo do candidato e a descrição da vaga, considerando também todas as movimentações e interações que a ferramenta permite. São mais de 170 características em relação à pontuação de recomendação do candidato que podem ser aplicados. Além disso, a Gupy, conta com um time de cientistas de dados que ficam fazendo testes nesse algoritmo para reduzir vieses no processo de recrutamento”, descreve.

Área essencial
Frachia afirma que a engenharia é uma das áreas essenciais no desenvolvimento da companhia, “por meio dela conseguimos obter suporte à inovação e avançar nas questões tecnológicas, além de auxiliar na transformação de ideias em produtos e melhores soluções para nossos clientes”. Atualmente, contabiliza ele, “são 65 profissionais no cargo engenheiro na companhia, além dos profissionais formados em diferentes áreas da engenharia, como a civil, aeronáutica, produção e ambiental atuando em outros cargos”.   

A engenheira Fernanda dá um conselho para todos os profissionais: “Entender o que você gosta de fazer, em quais frentes você gostaria de atuar e, principalmente, se os seus valores combinam com os da empresa que você está se inscrevendo. Passamos grande parte do nosso dia trabalhando, então é muito importante que você faça parte de algo que acredita, que se sinta feliz realizando as suas atividades e que tenha orgulho de pertencer àquela organização.”

Lido 486 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

VAGAS DE ESTÁGIO

agenda

art creasp