Home | Contribuição Sindical Urbana Online | Webmail Fale Conosco
10/01/2018

Filme brasileiro mostra vida de operária demitida aos 65 anos de idade

Avalie este item
(2 votos)

De Vitrine Filmes

“Pela janela”, primeiro longa da cineasta Caroline Leone, conta a história de Rosália, uma operária de 65 anos que dedicou a vida ao trabalho em um fábrica de reatores da periferia de São Paulo. Ela é demitida e, deprimida, é consolada pelo irmão José, que resolve levá-la a Buenos Aires em uma viagem de carro. Na viagem, Rosália vê pela primeira vez um mundo desconhecido e distante de sua vida cotidiana, iniciando uma jornada de libertação e transformação interior.

O filme terá uma sessão de pré-estreia, aberta ao público e gratuita, às 13h30, na capital paulista, no Centro Cultural São Paulo (CCSP), à Rua Vergueiro, 1.000, Liberdade. Nos cinemas de todo o País, o filme começará a ser exibido a partir do dia 18 próximo.

O longa participou de 18 festivais nacionais e internacionais em 2017 e foi premiado com o Fipresci, prêmio da crítica internacional de cinema, no Festival de Rotterdam, realizado no início do ano, onde foi exibido na seção Bright Future, que apresenta títulos de diretores estreantes. No Washington, DC International Film Festival, que aconteceu em maio, “Pela janela” recebeu o prêmio especial do júri. Em novembro, a película ganhou o prêmio de melhor filme no XIII Panorama Internacional Coisa de Cinema, que acontece em Salvador.

Além de ser um belíssimo filme que dialoga com diversos públicos, a obra tem como segundo plano questões urgentes a serem discutidas, como as reformas trabalhistas e da Previdência Social.

 

Lido 120 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

grcs home
BannerAnuncio
Agenda

Receba o SEESP Notícias

E-mail:*