Logos

GRCS

×

Atenção

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 69

21/09/2016

SEESP: 82 anos defendendo e unindo os engenheiros

Criado em 21 de setembro de 1934, o SEESP é hoje uma grande entidade. Com uma base de representação de mais de 200 mil profissionais e com mais de 50 mil associados, está presente em todo o estado por meio de 25 delegacias sindicais, além da sede na capital. Representa coletivamente a categoria, oferece um amplo leque de serviços aos seus filiados e tem importante inserção nos debates das grandes questões nacionais.

Atualmente, sindicato participa do movimento Engenharia Unida, lançado em março último pela Federação Nacional dos Engenheiros (FNE). O propósito da ação é formar uma ampla coalizão unindo os engenheiros e demais profissionais da área tecnológica, por meio dos sindicatos, associações representativas, conselhos profissionais, universidades, empresas e entidades patronais. A ideia é que essa aliança possa oferecer saídas às dificuldades enfrentadas pelo País na atualidade e contribuir com o permanente avanço no futuro. A bandeira principal desse movimento é a retomada do desenvolvimento socioeconômico, contando com a imprescindível valorização da engenharia e dos seus profissionais.


Foto: Beatriz Arruda/SEESP
Murilo 600 SET2016 
"Continuaremos a escrever a nossa história com garra e dedicação", garante Pinheiro.
 

Nossa história
O caminho até esse protagonismo no movimento sindical brasileiro, começou a ser percorrido há 82 anos, quando 12 destacados nomes da engenharia paulista se reuniram numa sala da Rua Líbero Badaró. Lá, tomaram a decisão de criar uma entidade que representasse todos os profissionais paulistas e fundaram o SEESP. A partir do Movimento de Renovação, nos anos 1980, o sindicato engrossou, com outros setores, a luta pelo fim da ditadura. Mais recentemente, nos anos 2000, teve início uma nova etapa da nossa história, com o engajamento no debate e a busca de saídas à estagnação. O primeiro ponto a ser destacado nessa trajetória é o fortalecimento da atuação do sindicato na defesa dos direitos dos engenheiros e na luta por novas conquistas. 

Representando os profissionais nas negociações coletivas feitas com inúmeras empresas e organizações patronais, dos mais diversos ramos econômicos, nos setores público e privado, o SEESP vem, ano após ano, garantindo avanços em benefício da categoria. Tem sido ainda pauta constante de luta a defesa do piso da categoria previsto na Lei 4.950-A/66, estipulado em nove salários mínimos vigentes no País para jornada diária de oito horas, além de um plano de carreira que propicie a valorização permanente do profissional, condições de trabalho adequadas e acesso à qualificação constante. 

Cresce Brasil e Isitec
Para além dessas ações, o SEESP tem como agenda o debate acerca do desenvolvimento nacional e a busca de alternativas para o avanço do País. Vertente que se vê no engajamento no projeto "Cresce Brasil + Engenharia + Desenvolvimento", lançado em 2006 pela Federação Nacional dos Engenheiros (FNE). Na fase atual, a iniciativa está voltada à discussão dos problemas das cidades brasileiras, oferecendo propostas factíveis e sérias para solucioná-los com a boa técnica. 

O sindicato criou e mantém o Instituto Superior de Inovação e Tecnologia (Isitec), credenciado pelo Ministério da Educação em 2013 para oferecer o primeiro curso de Engenharia de Inovação do Brasil. 

“Como se vê, são 82 anos muitíssimo bem vividos. Obviamente, cada uma dessas conquistas foi antecedida de desafios e obstáculos que precisaram ser vencidos. Continuaremos a escrever essa história com garra e dedicação”, salienta o presidente do SEESP, Murilo Pinheiro.

 

 

Edição Rosângela Ribeiro Gil
Informações Soraya Misleh
Comunicação SEESP

 

 

 

 

 

 

 

 

Lido 1577 vezes

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

VAGAS DE ESTÁGIO

agenda